Serviços

Uma gama de serviços para responder às preocupações financeiras de particulares e empresas.

Numa unidade empresarial, a informação de gestão e para a gestão assume uma importância vital para o bom desempenho da mesma. Os serviços da ACOQ visam fornecer toda a informação de gestão necessária a instalação, manutenção e crescimento das unidades económicas.

Contabilidade

A contabilidade é um instrumento de gestão imprescindível nos dias de hoje e deve servir em primeiro lugar o gestor e a empresa e o negócio.

 

Obrigações Fiscais

A constante mudança no sistema fiscal e contributivo português obriga uma atenção redobrada para manter a entidade actualizada e garantir o cumprimento de todas as obrigações.

 

Formação

A atualização dos quadros de uma empresa é fundamental para a continua evolução nos mercados. A qualificação dos Recursos Humanos qualifica a empresa.

Processamento de Salários

Cálculo de Vencimentos Mensais e emissão de declarações e folha de seguro.

 

Controlo Orçamental de Custos

Controlar e medir a eficiência da utilização dos seus recursos deve ser uma preocupação constante para a vida das instituições e para o crescimento de um negócio.

 

w

Consultoria Fiscal a Empresas e Particulares

O cuidado prévio com aspetos de natureza fiscal vai ajudá-lo a atingir um nível de eficiência fiscal mais elevado.

Avaliação de Empresas e Negócios

A avaliação de desempenho de uma empresa é preponderante para o conhecimento do seu valor de mercado, real ou potencial.

 

 

Planos de Negócio

Uma empresa quando em fase de lançamento ou numa fase de mudança deve ter por base um plano devidamente formalizado, para conhecer as suas forças e fraquezas.

 

Representação Fiscal

Um particular não residente ou uma empresa estando num território que não domina, tem a necessidade de ter alguém que o represente e possa defender os seus ativos.

 

Especificação dos serviços

Contabilidade

A contabilidade é um instrumento de gestão imprescindível nos dias de hoje. A gestão do seu negócio tem de ser suportada por informação que justifique as decisões do gestor no dia-a-dia. A actividade das entidades sejam colectivas ou individuais têm de ter um tratamento contabilístico diferenciado que seja ajustado à dinâmica e dimensão do negócio que naturalmente influenciam a necessidade de informação do gestor.

A análise de resultados interdepartamentais em determinados ramos de actividade assume especial preponderância na avaliação do desempenho individual de cada departamento ou área de negócio. A contabilidade deve servir em primeiro lugar o gestor e a empresa e o negócio.

Contabilidade Geral, Analítica e Orçamental:

  • Executada nos nossos escritórios ou no cliente;
  • Documentação contabilística levantada no cliente e tratada mensalmente;
  • Registo informático da documentação contabilística mensal;
  • Plano de Contas específico (caso necessário);
  • Controlo Contabilístico Mensal;
  • Reunião periódica de avaliação e análise de resultados com o cliente.
  • Mapa Simulação de Resultados;
  • Balancete Explicativo Geral Mensal e Acumulado;
  • Balanço e Demonstração de Resultados sempre que necessário e exequível;
  • Emissão Mapa de rácios económicos e financeiros da actividade;
  • Emissão de Mapa de Fluxos de Caixa;
  • Emissão de Demonstração de Resultados por Funções;
  • Dossier e documentação de Preços de Transferência (PT);
  • Análise de enquadramento da sujeição do sujeito passivo aos PT
  • Análise documental e preparação do respectivo dossier de PT;
  • Preparação de Acordos prévios de PT.

Fazemos descontos para membros da AFPOP.

Obrigações Fiscais

As empresas e os negócios têm também de cumprir inúmeras obrigações fiscais declarativas e contributivas. A constante mudança no sistema fiscal e contributivo português obriga uma atenção redobrada para manter a entidade actualizada de forma a garantir o cumprimento de todas as suas obrigações de carácter fiscal e contributivo.

As obrigações dividem-se em declarativas e contributivas, isto é por um lado as entidades têm de informar a Autoridade Fiscal e Contributiva, por outro lado têm uma obrigação de pagamento dos respectivos impostos e contribuições. A ausência de informação e de pagamento não deve ser negligenciada sendo o apoio às empresas e aos negócios um contributo fundamental nesta área.

Obrigações fiscais declarativas e contributivas:

  • Cálculo de Taxas e Impostos (IVA, IRC, Retenções de IRS, Segurança Social e Imposto Selo) ;
  • Declarações IVA (Emissão Mensal/Trimestral);
  • Declarações IRC e Anuais (Emissão Anual);
  • Retenções IRS, Imposto Selo e Segurança Social;
  • Levantamento dos Cheques no Cliente, e pagamento nas Instituições respectivas;
Formação

A formação dos recursos humanos de uma empresa é essencial ao seu desenvolvimento. Recursos humanos atualizados tornam as unidades empresariais mais produtivas, e consequentemente mais capazes.

A formação de que dispomos pode ser dada em grupo ou individual, sendo que as áreas de atuação são: Contabilidade, Fiscalidade, Gestão e Administração.

Encontra-se em desenvolvimento o processo de certificação.

Processamento de Salários
  • Cálculo de Vencimentos Mensais;
  • Emissão de Declaração de Rendimentos Funcionários e Trabalhadores Independentes;
  • Emissão de Folha do Seguro.
Controlo Orçamental de Custos

O orçamento e o controlo orçamental nas instituições são um apoio importante na prossecução dos objectivos que as entidades têm na sua actividade. O orçamento do seu negócio é o seu objectivo. Controlar e medir a eficiência da utilização dos seus recursos é uma preocupação constante para a vida das Instituições e para o crescimento de um negócio.

  • Extrapolação dos custos fixos e variáveis da actividade;
  • Preparação, apresentação e discussão do Orçamento;    
  • Controlo orçamental e comparação com a contabilidade, cálculo de desvios e avaliação dos mesmos;            
  • Análise comparativa no tempo em volume e peso na actividade.
Consultoria Fiscal a Empresas e Particulares

A eficiência fiscal, bem como a crescente complexidade nas operações ou transacções configuram a necessidade de um cuidado prévio com aspetos de natureza fiscal. Este cuidado é tão mais importante que quando realizado antes da ocorrência dos fatos tributários permite planear as obrigações decorrentes do fato tributário, mas também atingir um nível de eficiência fiscal mais elevado.

Simulações fiscais e enquadramento do facto tributário nos impostos abaixo, incluindo reclamações:

  • Cálculo de impostos (IVA, IRC, Retenções de IRS, IMI, IMT e Imposto Selo);
  • Reclamações de liquidações de impostos (IRS , IRC, IMI).

Fazemos descontos para membros da AFPOP.

Avaliação de Empresas e Negócios

Numa unidade empresarial, a rendibilização obtida na atividade operacional é a única forma de sustentabilidade da mesma. A avaliação de desempenho de uma empresa é preponderante para o conhecimento de qual o seu valor de mercado, ou do seu valor potencial de mercado. As diferentes opções dos gestores das empresas motivam a necessidade de avaliação de uma empresa.

A estratégia de uma empresa tem de ter um ponto de partida, e uma avaliação pode ajudar a criar esse momento. Sendo um investidor, posso necessitar da avaliação de uma empresa ou negócio para aferir da rendibilidade de um investimento nessa sociedade.

Produção de Relatório de Avaliação de Empresa, de acordo com as situações abaixo:

  • Estudo de viabilidade (Teste de Performance Empresarial);
  • Avaliação de empresa ou negócio para o investidor/comprador.
Planos de Negócio

Uma empresa quando em fase de lançamento ou numa fase de mudança deve ter base um plano devidamente formalizado, usualmente chamado de Plano de Negócio.

O plano de negócio serve não só para estabelecer e formalizar a estratégia da empresa, mas em primeiro lugar para a empresa e o empresário conhecerem melhor as suas competências, o mercado onde irão competir, bem como quais são as adversidades que irão encontrar no desenvolvimento da sua atividade.

  • Análise SWOT;
  • Elaboração de Plano de negócio;
  • Implementação do Plano de negócio;
  • Monitorização periódica do Plano de negócio;
  • Análise de resultados.
Representação Fiscal

Um particular não residente ou uma empresa estando num território que não domina, tem a necessidade de ter alguém que o represente e possa defender os seus ativos. Habitualmente esta necessidade está mais associada a que detém negócios em Portugal mas que não têm ainda representação ou estabelecimento estável, bem como aos particulares que não sendo residentes na União Europeia têm imóveis em Portugal.

  • Ligação do contribuinte individual ou colectivo não residente com a Autoridade Fiscal;
  • Elaboração de declarações fiscais do contribuinte não residente;
  • Gestão e controlo de cumprimento das obrigações fiscais do contribuinte não residente;
  • Apoio e aconselhamento personalizado ao contribuinte não residente

Fazemos descontos para membros da AFPOP.

Ainda tem dúvidas?

Se não respondemos a todas as suas questões, não hesite em entrar em contacto.

Contacte-nos
Acoq